Bastidores

MDB retalia Roberto Paulino

11 de abril de 2022 às 07h35 Por Wallison Bezerra

Ao colocar o deputado estadual Anderson Monteiro como vice-presidente do MDB na Paraíba, o MDB, sob o comando de Veneziano Vital do Rêgo e Baleia Rossi (presidente nacional da sigla), retalia um dos principais nomes do partido: Roberto Paulino. O ex-governador e aliado histórico da legenda era quem ocupava o cargo.

O Blog apurou que emedebista foi surpreendido ontem com a mudança pelo noticiário. Paulino é defensor da reeleição do governador João Azevêdo (PSB) e vai de encontro com uma ala do MDB que lançou a pré-candidatura de Veneziano ao Palácio da Redenção, em uma união com o ex-governador Ricardo Coutinho (PT).

O filho de Roberto, deputado Raniery Paulino, deixou o partido no mês passado após divergir da candidatura própria na sigla. O parlamentar foi para o Republicanos.

Apesar do pensamento contrário ao de Vital, Roberto Paulino tem dito que não vai sair do partido que integra há anos e nunca saiu por conveniências políticas ou pessoais.